Fotografia em cores de jipe acelerando em deserto na Bolívia.

Foto de Amy Rollo via Unsplash.

Edição 304 – América Latina e a Iniciativa Cinturão e Rota

Vacinas chinesas e gigantes de tecnologia na China

Indústria de reciclagem de baterias. Em 2016 Taiyuan, se tornou a primeira cidade chinesa a converter totalmente sua frota de táxis para energia elétrica. Mas um novo desafio colocou, novamente, a cidade no centro das atenções: o que fazer com esse monte de bateria depois? Segundo esta matéria da Semafor, essa situação cria espaço para o que pode ser a maior indústria verde do mundo: os mais de 8.000 táxis elétricos que circulam pelas ruas de Taiyuan devem, legalmente, passar por um processo de desmonte depois de oito anos ou 600.000km rodados. Isso incentivaria que o processo de reciclagem dessas peças suprisse a demanda por materiais como lítio e cobalto, necessidade que tem crescido rapidamente devido à expansão do mercado de veículos elétricos na China. Mas ainda existem desafios para esse plano, uma vez que não existe regulação para locais de reciclagem credenciados, o que pode causar problemas ambientais. 

Subversivos. Nesta sexta-feira (14), a feminista e jornalista chinesa Sophia Huang Xueqin e o ativista trabalhista Wang Jianbing receberam suas sentenças no Tribunal Popular Intermediário de Guangzhou. Xueqin deverá cumprir cinco anos de detenção; Jianbing, três anos e meio. Segundo apoiadores que têm atuado pela libertação dos ativistas desde seu desaparecimento e prisão em setembro de 2021, a dupla teria sido condenada por incitar a subversão do poder estatal. Xueqin fez parte do movimento #MeToo na China e, junto de Jianbing, organizou encontros para discussão política em Guangzhou. Sobre os vereditos, a Anistia Internacional na China declarou que foram injustos e contrários aos Direitos Humanos. Xueqin anunciou que deve recorrer de sua sentença.

Passaportes do milhão. Fazendo uso dos poderes concedidos pelo novo Artigo 23, o governo de Hong Kong anunciou nesta semana que vai cancelar os passaportes de seis ativistas locais exilados no Reino Unido. Eles estão na lista de foragidos anunciada em Julho de 2023, procurados por atentar contra a segurança nacional, e cuja localização vale um prêmio de um milhão de Hong Kong Dólares. Após acusações de que o cancelamento de passaportes iria contra o Pacto Internacional dos Direitos Civis e Políticos, do qual Hong Kong é signatário, o Chefe de Segurança local Chris Tang declarou que a segurança nacional é uma exceção ao Pacto, comum em todos os países “civilizados”. Um dos exilados incluídos no anúncio, Finn Lau, declarou sequer possuir um passaporte de Hong Kong, apenas um BNO britânico.

Sur. Não é só de visita de Alckmin à China que se movimentam as relações com a América Latina. Este texto no The Diplomat conta como a Bolívia, em meio às tensões com Washington e a crises energéticas, está se aproximando cada vez mais de Pequim. A proximidade também se manifesta no uso de yuan para alguns pagamentos para o exterior, em uma marcha para certa desdolarização. Em final de abril, o ministro das relações exteriores chinês Wang Yi (praticamente) fez um tour latinoamericano em Pequim, tendo encontros com suas contrapartes da Argentina, Peru e Bolívia. Os esforços são para fortalecer a possibilidade de engajamento com a Iniciativa Cinturão e Rota. Vale também ficar de olho no que vem aí nas relações entre China e México com a vitória de Claudia Sheinbaum. 

Meu mar, minhas regras. A semana começou agitada para China e Holanda. Segundo o ministério da Defesa da China, a Holanda estaria fazendo ações navais e áreas em regiões marítimas sob jurisdição chinesa. A Holanda informou que apenas fazia uma patrulha em apoio às sanções da ONU contra a Coreia do Norte, e afirmou que a China fez manobras perigosas ao se aproximar de seus helicópteros, o que teria causado riscos para a tripulação. No final de abril , o Japão também havia passado por uma situação semelhante quando a Guarda Costeira da China confrontou legisladores japoneses nas águas disputadas do Mar da China Oriental e denunciou o que chamou de “infração e provocação” do Japão perto das ilhas desabitadas de Diaoyu. Segundo as autoridades, o grupo, que incluía o ex-ministro da Defesa Tomomi Inada, estava em uma missão de inspeção organizada pela cidade de Ishigaki, na província de Okinawa, e passou três horas na área observando com drones.

O crime cibernético também não compensa. Similar ao que vimos ocorrer no Sudeste Asiático, um grupo de cidadãos chineses foi preso na Zâmbia por aplicar crimes cibernéticos, conta o SCMP. Ao todo, 77 pessoas (22 chineses) faziam parte do esquema e foram sentenciadas pelas autoridades do país africano. A investigação partiu de um aumento inexplicado de fraudes e sumiço de dinheiro em contas bancárias zambianas e de outros países asiáticos.

Corrida farmacêutica. Parece que o sucesso do Ozempic chegou ao ponto das empresas farmacêuticas chinesas estarem correndo para desenvolver um competidor para o medicamento dinmarquês. O remédio dobrou as vendas na China e já moveu mais de 700 milhões de dólares no país, não por acaso: a China tem relatado já a algum tempo desafios de saúde relacionados à obesidade, principalmente entre jovens e adolescentes. Impulsionado por influenciadores fitness e propagandas de resultados milagrosos, criou-se um cenário vasto para esse tipo de medicamento. As autoridades chinesas estão intensificando a regulamentação, removendo postagens promocionais de mídias sociais e investigando vendas não regulamentadas na tentativa de desacelerar o consumo, uma vez que o consumo em pessoas com perfil não adequado para o consumo aumentou perigosamente.

Quatro estadunidenses e um chinês foram esfaqueados no parque Beishan, na cidade chinesa de Jilin, na segunda-feira (10). Os americanos são professores da Cornell College de Iowa e estão na cidade como parte de uma colaboração com a Universidade Beihua. A vítima local foi atacada enquanto tentava proteger os visitantes. No mesmo dia, a polícia prendeu um homem de 55 anos, suspeito de ser o autor do crime. Ainda não há motivação clara para o ataque e nenhuma vítima está em estado crítico. Um representante de Washington em Pequim declarou estar “perturbado” com o acontecido, enquanto representantes do governo chinês reforçam que o acontecimento não deve afetar as relações entre os cidadãos dos dois países

reforma electoral en Hong Kong

Expectativa. Logo menos vem aí a Terceira Sessão Plenária do 20º Congresso Nacional do Partido com diretrizes econômicas para os próximos cinco anos. A newsletter Pekinology começou uma série que indica o que esperar do evento.

Marketing. Investir em celebridades pode dar muito ruim, mas investir em atletas em ano de Olimpíadas pode dar muito bom, como conta a Sixth Tone.

Gatilhos. O China Digital times fez um compilado de números, datas, músicas e um lugar que mobilizaram os esforços da censura chinesa durante este 4 de Junho.

 

Quem não gostaria de assumir o lugar do Macaco da Jornada ao Oeste? É isso que oferece o jogo Black Myth: Wukong, desenvolvido pel Game Science. A pré-venda foi esgotada em segundos.

%d blogueiros gostam disto: